Site patense diz que Torcida Organizada da URT vai processar veículo de comunicação de Patrocínio

Torcida Organizada URT registrou boletim de ocorrência contra Portilho Online pela divulgação de suposta confusão no final do jogo URT x Patrocinense, Portilio reponde  e Patos Hoje diz que só deu a informação. 

Foto: Patos Notícias

topa

Presidente da TOPA, Ailton Custódio, que disse que "a matéria expõe de forma negativa e mentirosa a torcida"


Da redação da Rede Hoje


Em reportagem assinada por Igo Nunes, o site Patos Notícias informa que "a Torcida Organizada Poeira Azul da União Recreativa dos Trabalhadores – URT em Patos de Minas registrou um boletim de ocorrência por publicação de fatos inverídicos contra o blog Portilho Online de Patrocínio", porque, na versão da torcida, teria publicado uma falsa notícia de que "uma jovem teria sido agredida com uma pedrada e que a agressão teria vindo da torcida organizada. O suposto fato teria acontecido após o jogo entre URT e Clube Atlético Patrocinense – CAP no Estádio Zama Maciel". 

A notícia foi baseada num vídeo que circula na internet de uma torcedora deitada na rua e sendo amparada por membros da torcida. Ainda durante a filmagem, é possível ver a chegada de seguranças da URT e também dos brigadistas, que imediatamente deram início aos primeiros socorros. A ambulância contratada pelo clube também foi acionada e conduziu a vítima até unidade de saúde. 

"A garota não sofreu nenhuma agressão, nenhum ferimento e teria sofrido um mal súbito do lado externo do Estádio Zama Maciel. Ela foi medicada e passa bem. O vídeo também mostra a Polícia Militar fazendo um isolamento entre as duas torcidas, divididas por cerca de 50 metros. Dois torcedores patrocinenses foram detidos após desacatar policiais militares e seguranças da URT", diz o Patos Notícias

A página de internet patense ouviu o presidente da Torcida Organizada Poeira Azul – TOPA, Ailton Custódio, que disse que a matéria expõe de forma negativa e mentirosa a torcida. "O vídeo foi postado na internet por um torcedor que tenta denegrir a imagem do clube, da torcida e até da Polícia Militar. Porém, não houve nenhum tipo de apuração do blog sobre o que de fato aconteceu após o jogo. 

Ainda de acordo com Ailton, a torcida e a diretoria da URT vão entrar com uma ação judicial contra o veículo de comunicação e o responsável pela publicação. Boletins de ocorrência já foram registrados contra o blog de notícias. Em contato com a assessoria de comunicação da URT fomos informados que o clube ainda não vai se pronunciar pois está levantando as informações", conclui a reportagem.

O QUE DIZ PORTILIO. Em resposta, José Maria Portilio, dono do Portilio Online disse do próprio site que o Patos Notícia é "tendencioso tem nos perseguido na nossa prisão, e fica querendo nos prejudicar". Segundo ainda o editor do Portilio Online, o Patos Notícia "só tem acessos quando cita o nome forte Portilho Online, do contrario esse site de Patos de Minas é mais um perseguidor nato ao nosso trabalho".

Portilio diz que está tranquilo porque "esse site não representa a noticia popular tenta de toda forma de perseguição para nos atingir", diz. 

RESPOSTA DE IGOR NUNES. Igor Nunes, diretor do site Patos Notícias, em contato do a Rede Hoje disse que, ao contrario do que diz José Maria Portilio,não tem "intuito de perseguir, denegrir, difamar ou caluniar a índole ou a imagem de ninguém" e que o "Patos Notícias é um portal de notícias sério e que mostra os principais acontecimentos de Patos de Minas e região".

Veja o que disse o editor do site patense:

"O Patos Notícias jamais teve o intuito de perseguir, denegrir, difamar ou caluniar a índole ou a imagem de ninguém. Somos um portal de notícias sério e que mostra os principais acontecimentos de Patos de Minas e região. 

O jornalista Igor Nunes inclusive é patrocinense com orgulho e nunca escondeu, nem mesmo perto das torcidas do URT ou Sapo, que torce para o CAP. Agora, como profissional de comunicação, ele tem que ficar atento referente aos fatos e noticiar de forma imparcial o que acontece. Igor Nunes presa pela ética e pela verdade no jornalismo. 

A matéria veiculada acima não somente foi produzida pelo portal, mas também foi pauta de vários veículos de comunicação da cidade. Toda a matéria foi escrita baseada em informações da diretoria do clube, da TOPA e também da Polícia Militar'", explicou.


bellaforma 31012019